Temperatura Máxima

Temperatura máxima

Temperatura mais alta do dia. Geralmente ocorre entre as 15h e 16h horas locais.

Devido à rotação da Terra em torno de seu próprio eixo, existe a variação entre o dia e a noite. A temperatura começa a aumentar durante a manhã, conforme o Sol se levanta. Quando ele atinge sua posição mais elevada no céu, por volta do meio dia, a superfície da Terra recebe uma maior quantidade de energia. No entanto, a temperatura máxima não ocorre ao meio dia. Isso acontece pois a transferência do aquecimento da superfície para a atmosfera é lenta, fazendo com que a temperatura máxima seja observada apenas por volta das 15h ou 16h locais.

Conforme o Sol começa a baixar, a superfície da Terra tende a resfriar. Da mesma maneira, há certa demora até que seja atingida a menor temperatura do ar (temperatura mínima), que ocorre momentos antes do nascer do Sol ou um pouco após. Essa variação entre a temperatura mínima e máxima é a chamada variação diurna que os meteorologistas tentam prever todos os dias: a temperatura mais quente e a temperatura mais fria do dia.

Curiosidade: É observado que geralmente a variação diurna de temperatura é fortemente influenciada pela cobertura de nuvens. Ou seja, quanto maior for a nebulosidade observada, menor será a variação de temperatura ao longo do dia. Por isso, geralmente no inverno em São Paulo tem-se grandes variações de temperatura: os dias passam praticamente sem nuvens, favorecendo temperaturas máximas mais elevadas e mínimas mais baixas.


Autor: Rafael Cesario de Abreu
Fonte: Ahrens, C. D. Meteorology Today: An Introduction to Weather, Climate, and the Environment. Brooks/Cole Cengage Learning, Belmont, CA, 2009.

Marcações: