Frente Fria

Frente Fria

Banda estreita em movimento caracterizada por substituir o ar quente por ar frio.

Uma frente, no sentido mais geral da palavra, é uma região de transição de duas massas de ar de características diferentes, como temperatura e umidade. Uma frente fria é uma região em que o ar frio, seco e estável, avança sobre o ar quente, úmido e instável. Como o ar quente e úmido é menos denso que o ar frio e seco, ele tende a ser levantado, formando uma região de nebulosidade mais profunda com nuvens de tempestades como cumulonimbus.

Antes de uma frente fria avançar sobre uma região, é característica a presença de ventos que transportam ar mais quente, aumentando a temperatura e a chance de ocorrência de tempestades isoladas. Após a passagem da frente fria, o avanço de uma região de alta pressão com um ar mais frio e seco é esperada, mantendo o tempo aberto.

Curiosidade: Vários critérios são utilizados para identificar uma frente fria: grande diferença de temperatura em uma curta distância; mudança na direção do vento; grande diferença de umidade em uma curta distância; declínio de pressão; e padrões bem definidos de nebulosidade e chuva, entre outros.


Autor: Rafael Cesario de Abreu
Fonte: Ahrens, C. D. Meteorology Today: An Introduction to Weather, Climate, and the Environment. Brooks/Cole Cengage Learning, Belmont, CA, 2009; American Meteorological Society, cited 2015: Cold Front. Glossary of Meteorology [Available at: http://glossary.ametsoc.org/wiki/Cold_front]

Marcações: