Cavado

Cavado

É uma região de baixa pressão, geralmente associada com tempo nublado e chuva. Termo utilizado para distinguir circulações de baixa pressão fechadas (ciclones) das que não são fechadas.

O termo é derivado da física de ondas, onde um cavado é uma região de valores mínimos e uma crista é uma região de máximos. Um cavado é uma região de baixa pressão similar a um ciclone. No Hemisfério Sul, o vento gira no sentido horário ao redor de seu eixo, enquanto que no Hemisfério Norte ele gira no sentido anti-horário.

A grande diferença entre os dois sistemas é que no caso de um ciclone as linhas de mesma pressão (isóbaras) são fechadas, enquanto que em um cavado não. Geralmente ciclones em superfície possuem cavados associados nos níveis médios e até mesmo em níveis altos da atmosfera.

Segundo a chamada “Teoria Quasi-Geostrófica”, cavados que se deslocam para leste são propensos a apresentar movimento ascendente a leste do seu eixo, e por isso é comum a formação de grande nebulosidade e precipitação nessa região.

Curiosidade: Os cavados podem variar de tamanho entre dezenas até milhares de quilômetros. No entanto, geralmente são os menores, chamados de “cavados de onda curta”, que apresentam maior potencial para a formação de pancadas de chuva forte.


Autor: Rafael de Abreu
Fonte: Holton, James R., and Gregory J. Hakim. An introduction to dynamic meteorology. Academic press, 2013; American Meteorological Society, cited 2015: Trough. Glossary of Meteorology. [Available online at http://glossary.ametsoc.org/wiki/Trough]

Marcações: